segunda-feira, 15 de setembro de 2014

Behemoth: Quatro datas no Brasil.

Com o prestigio de já estar realizando uma extensa turnê mundial do álbum "The Satanist", o Behemoth desembarcará no Brasil em novembro para realizar quatro apresentações. Confira as datas:
06/11 Novo Hamburgo-RS
Local: Teatro Feevale

07/11 Curitiba-PR
Local: Music Hall

08/11 São Paulo-SP
Local: Carioca Club

09/11 Rio de Janeiro-RJ
Local: Circo Voador
(fonte: The Ultimate Music)

Simpatia e heavy metal!

A vinda de Tarja Turunen ao Brasil parece não cansar os fãs, pois ano após ano o público sempre comparece em bom número as apresentações da ex-vocalista do Nightwish. Para a apresentação em solo carioca Tarja veio trazendo a turnê do seu mais recente trabalho, intitulado "Colours in the Dark".
A apresentação da moça começou a apresentação próximo das 21 h, acompanhada de Alex Scholpp (guitarra), Christian Kretschmar (teclado), Julian Barrett (guitarra), Kevin Chown (Baixo) e Mike Terrana (bateria), com a excelente "In for a Kill". A recepção dos fãs foi calorosa e Tarja respondeu com um sorriso de uma fada e em seguida passou pela músicas "500 Letters" e "Little Lies" fazendo a galera vibrar. As primeiras músicas já mostravam como seria a noite, interação total entre público e banda. Cada música elevava o delírio do público, bem como a emoção no rosto de Tarja. Parece que o fato de estar morando na Argentina injetou na cantora um sangue mais latino, pois ela está cada vez mais solta no palo e interagindo bastante com o público. Em relação a banda, a competência é mantida e isso ficou bem claro na Jam intrumental que os integrantes fizeram fazendo um prolongamento da música "Never Enough". Um ponto bem interessante da apresentação foi a execução de sete faixas do novo álbum, mostrando que Tarja não precisa de sua antiga banda para realizar uma excelente apresentação. A primeira parte do show é encerrada com a execelente "Medusa". Com o público em delírio a banda volta para executar: "Victim of Ritual", "Wish I Had an Angel" e "Until My Last Breath".
O que era para ser o final da apresentação não ocorreu pelo delírio do público presente e a banda retornou para executar "Over the Hills and Far Away". Uma execlente apresentação e que deve ter repeteco no próximo ano, pois segundo Tarja ela voltará em 2015. 
Setlist
01. In for a Kill
02. 500 Letters
03. Little Lies
04. Falling Awake
05. I Walk Alone
06. Anteroom of Death
07. Never Enough
** Jam Never Enough
08. Darkness
09. Neverlight
10. Mystique Voyage
11. Die Alive
12. Deliverance
13. Medusa
Bis 1
14. Victim of Ritual
15. Wish I Had an Angel
16. Until My Last Breath
Bis 2
17. Over the Hills and Far Away

Curtas!
* Julian Casablancas revelou, em entrevista à rádio BBC 6 Music, que o grupo The Strokes pode voltar a trabalhar em um novo material em janeiro. (fonte: Omelete)

* Joe Satriani confirmou duas apresentações no Brasil: 01/10 São Paulo-SP (Citibank Hall) e 03/10 Brasília-DF (Net Live Brasília). (fonte: UOL)

* Fear Factory confirmou para 2015 o lançamento do seu próximo álbum de estúdio, que chegará as lojas via Nuclear Blast Entertainment. (fonte: Rock Brigade)

Vídeo do dia!
Confira a música "The Devil In I", com o grupo Slipknot.

(fonte: Youtube)

Dica de CD: Bolero (Stanley Jordan)

domingo, 14 de setembro de 2014

Tarja hoje no Rio de Janeiro!

A cantora lírica finlandesa Tarja Turunen é considerada uma das principais vozes femininas dentro do heavy metal. O início da trajetória de Tarja no rock pesado aconteceu com o grupo Nightwish, do qual fez parte por 10 anos, e onde alcançou reconhecimento mundial. À frente do Nightwish, Tarja gravou álbuns clássicos do heavy metal sinfônico, como "Oceanborn", de 1998, e "Once", lançado em 2004 e que levou a banda às paradas em diversos países. No Brasil, o clipe da faixa "Nemo", presente em "Once", esteve entre as primeiras posições na parada da MTV por várias semanas. Após sair do Nightwish no final de 2005, Tarja Turunen lançou-se em uma bem-sucedida carreira solo, lançando álbuns regularmente e excursionando pelo mundo todo. Hoje, Tarja volta ao Rio de Janeiro com a turnê de divulgação de "Colours in the Dark", seu mais recente disco. Vale conferir:
14/09/2014 (HOJE) Rio de Janeiro-RJ
Local: Circo Voador
Endereço: Rua dos Arcos, s/n - Lapa
Ingressos: R$ 200,00 (inteira), R$ 100,00 (meia entrada/com 1 kg de alimentos/Cliente Sou + Rio)
Abertura dos portões: 18:30
Banda de abertura: Mad Old Lady
(fonte: Circo Voador)

quinta-feira, 11 de setembro de 2014

Opções para hoje: Heavy Metal e Rock Progressivo.

Hoje os fãs de heavy metal e de rock progressivo tem boas opções. 
No Circo Voador os fãs de heavy metal vão poder bater cabeça ao som de Cavalera Conspiracy, Krisiun e Confronto, que promete ser uma noite de muita qualidade. Vale conferir:
11/09/2014 (HOJE) Rio de Janeiro-RJ
Local: Circo Voador
Endereço: Rua dos Arcos, s/n - Lapa
Horário: 19:00
Ingressos: R$ 90,00 (meia entrada/Promoção Circo Voador)

No Teatro Rival quem se apresenta é A Estação da Luz, formada em 2005 na cidade paulista de São José do Rio Preto. A banda é constituída por músicos experientes na cena roqueira do estado. Seu trabalho resgata a essência do rock psicodélico, folk e progressivo das décadas de 60 e 70 com uma bela e forte identidade própria. Ao longo de sua trajetória, apresentou-se em diversas casas noturnas, teatros do Sesc e Festivais pelo país. Já dividiu o palco com bandas clássicas e conceituadas como Som Nosso da Cada Dia e Casa das Maquinas, ambas no famoso festival Psicodália, nos anos de 2008 e 2009. A banda lançou seu primeiro CD oficial em 2012, pelo selo carioca Som Interior Produções Artísticas especializado em Rock Progressivo, com ótima recepção pela crítica e público e já estão em processo de gravação do próximo.
11/09/2014 (HOJE) Rio de Janeiro-RJ
Local: Teatro Rival
Horário 19:30
Endereço: Rua Álvaro Alvim, 33/37 – Cinelândia
Ingressos: R$ 70,00 (Setor A/Mezanino), R$ 60,00 (Setor B)

terça-feira, 9 de setembro de 2014

Brutal Truth no Brasil!

O grupo Brutal Truth fará duas apresentações no Brasil em outubro, as datas confirmadas são as seguintes:
03/10 São Paulo-SP
Local: Clash Club

04/10 Rio de Janeiro-RJ
Local: Teatro Odisseia
(fonte: Ticket Brasil)

Curtas!
* O grupo U2 surpreendeu aos fãs em evento da Apple e lançou novo álbum, "Songs of Innocence", gratuitamente no iTunes. (fonte: UOL)

* O grupo Primal Fear confirmou que seu novo baterista será Aquiles Priester. A estréia estpa marcada para 20/12 durante o Festival Knock Out, que acontecerá na Alemanha. (fonte: Power Metal)

* O cantor David Bowie lançará um novo single em novembro. A faixa será incluída na coletânea "Nothing Has Changed" e será intitulada "Sue (or In a Season of Crime)". (fonte: Omelete)

Vídeo do dia!
Confira a música "Pandora's Hell", com o grupo Hatesphere:
(fonte: Youtube)

Dica de CD: 2012 (Ringo Star)

segunda-feira, 8 de setembro de 2014

Céu de rapina!

O grupo britânico Fen agendou para 22/11 o lançamento, via Aural Music Group, do seu novo álbum de estúdio. O material, intitulado "Carrion Skies", terá as seguintes faixas:
01. Our Names Written In Embers Part 1 (Beacons Of War)
02. Our Names Written In Embers Part 2 (Beacons Of Sorrow)
03. The Dying Stars
04. Sentinels
05. Menhir - Supplicant
06. Gathering The Stones
07. Coffin Soil (exclusive bonus track DLP and wood box)
08. Trilithon (exclusive bonus track wood box)
09. Twilight Descends (rare bonus track wood box)
(fonte: Metal Storm)

Curtas!
* Gene Simmons, baixista do KISS, afirmou em recente entrevista que: “O rock já está morto. Ele foi assassinado”. Segundo ele o grande responsável por isso é o compartilhamento de dados, promovido por uma classe média que se viu no direito de ter algo de graça. (fonte: Rolling Stone)

* James LaBrie não poderá mais participar do show do Metal All Stars em São Paulo, dia 22 de novembro. O motivo não foi informado. (fonte: Guitar Player)

* O álbum "Hydra", do grupo Within Temptation, foi indicado à categoria "Álbum Independente do Ano" do AIM Awards. A ceriônica de premiação rola em 03 de junho. (fonte: Roadie Crew)

Vídeo do dia!
Confira a música "Riding High", com o grupo Bullet:
(fonte: Youtube)

Dica de CD: Wish You Were Here (Pink Floyd)

sábado, 6 de setembro de 2014

De outro mundo!

Alcest e God Is An Astronaut fazem apresentações consistentes e empolgam público carioca, no primeiro dia do Overload Music Fest.

A noite fria de quinta-feira trouxe ao Rio duas boas bandas da cena metálica atuais: Alces e God Is An Astrounat. 
A banda francesa Alcest, que é um projeto do francês Neige, era o grande motivo do bom público que foi ao Teatro Rival. A banda começou a apresentação com um pequeno atraso de 20 min, trazendo a faixa "Opale", presente no álbum "Shelter". A abertura já mostrou que haveria uma ligação forte entre banda e público. O som que está na linha do Pós Black Metal, como alguns definem, na minha opinião melhor seria definido como Black Wave, é bem interessante e é impossível não se conectar as músicas. De cara uma impressão bem interessante: a banda apresentou um som mais pesado do que aquele presente nos álbuns de estúdio. Isso fez muita diferença, pois permitiu a banda alternar momentos de puro heavy metal e outros mais sensíveis. Apesar das músicas serem em francês, o público parecia acompanhar cada frase das músicas executadas e parece ter cativado Neige, que apesar de parecer um figura quase sem alma, mostrava bastante envolvimento com o público. Aliás, a grande maioria dos presentes no Rival não deviam ter idade superior aos 25 anos. Um bom sinal, afinal o público metálico pode estar se renovando e que numa país como o nosso é quase uma milagre. 
Voltando para o show, as três músicas seguintes são: "Summer's Glory", "Là où naissent les couleurs nouvelles" e "Autre temps" todas presentes no excelente "Les Voyages de l'Âme", lançado em 2012. Essas músicas foram perfeitamente executadas e, na minha opinião, essa trinca foi o ponto alto do apresentação do grupo. Impossível não gostar. O líder, parece ter escolhido bem os músicos que o acompanham no palco. Além do próprio Neige (vocal/guitarra), subiram ao palco Indra (baixo), Zero (guitarra/vocal de apoio) e Winterhalter (bateria), que podiam ser músicos efetivos também nos álbuns, mas duvido que Neige faça isso. A metade da apresentação chega com músicas do primeiro álbum: "Les Iris" e "Souvenirs d'un autre monde". Parece que a ideia era passar por todo os quatro álbuns e as duas músicas seguintes são: "Sur l'océan couleur de fer" e "Percées de lumière", presentes em "Écailles de Lune". A escolha do set me pareceu bem interessante, pois permitiu mostrar um pouco das variações existentes nos trabalhos de estúdio do Alcest. A noite termina, com 1 h de apresentação, após a execução de faixa que fecha o mais recente trabalho: "Délivrance". Excelente apresentação, que agradou bastante aos fãs e que depois formaram uma grande fila para conseguir autógrafos e fotos.
Setlist Alcest
01. Opale 
02. Summer's Glory 
03. Là où naissent les couleurs nouvelles 
04. Autre temps 
05. Les Iris 
06. Souvenirs d'un autre monde 
07. Sur l'océan couleur de fer 
08. Percées de lumière 
09. Délivrance 

Após a apresentação do Alcest a noite de quinta-feira reservava, pelo menos pra mim, uma verdadeira incógnita: God Is An Astrounat.
Sei que deveria ter me preparado para ver a apresentação do grupo irlandês, mas as tarefas diárias de trabalho me impediram disso. Isso por um lado é bom, pois esse tipo de coisa sempre reserva algumas surpresas. E foi isso que aconteceu. A primeira música da noite, "When Everything Dies", me deu a impressão de ser uma faixa introdutória. A minha ignorância sobre o quarteto irlandês, formado por Jamie Dean (guitarra/teclado), Lloyd Hanney (bateria), Niels Kinsella (baixo) e Torsten Kinsella (guitarra), me fez acreditar que a segunda música seria cantada. Isso não aconteceu, pois com excelente "Transmissions", presente no mais recente trabalho, ficou claro que o som da banda é puramente experimental e instrumental. Com as duas primeiras músicas da noite fiquei sem saber como classificar o som do quarteto, mas com "All Is Violent, All Is Bright" e "Reverse World" ficou claro que apesar de ter um som pautado num hard rock furioso a banda bebe na fonte do som pós punk. Provavelmente os fãs devem estar me xingando, mas é fácil notar as referências a bandas como: New Order, The Cure e New Model Army. Essa mistura produz um som envolvente, sendo difícil não se conectar com o som produzido pelo grupo, que foi potencializado pelo excelente trabalho da pessoa responsável pela mesa de som. Acho que nunca presenciei um som tão bom na casa. 
A trinca seguinte foi poderosa: "Echoes", "Spiral Code" e "Remembrance Day", deixaram os tímpanos doloridos e a alma em êxtase. Dentro dessa pegada pra lá de energética o grupo vai passando por cada faixa, com uma presença de palco bem interessante e que contagiou o público presente no Teatro Rival. Um detalhe durante a apresentação é que Jamie Dean se alterna entre a guitarra e os teclados durante o show, fazendo em alguns momentos os solos e em outros introduzindo momentos mais calmos em cada música. Em um dos momentos mais acelerados de Jamie, o músico pulou do palco no meio da platéia, levando a galera ao delírio. Sensacional. Em contraste a essa agitação está o baixista Niels Kinsella, ao contrário do seu irmão Torsten Kinsella que mostra uma energia enorme. Em muitos momentos da apresentação Jamie e Niels faziam riffs que mais pareciam duelos musicais. O baterista Lloyd Hanney não inventa e completa o quarteta com grande competência nas baquetas. Durante apresentação são visitados vários momentos da carreira e apesar de ter sete álbuns de estúdio lançados a banda executa a faixa "Dark Passenger", que estará presente no próximo trabalho de estúdio a ser lançado em 2015. A primeira parte da apresentação é encerrada com a belíssima "Fire Flies and Empty Skies", mas a banda sai e volta sem dar tempo para respirar. No bis são executadas: "Red Moon Lagoon", "Suicide by Star" e a mais pedida pela galera: "Route 666". Uma apresentação exuberante e sem dúvida um dos melhores shows do ano.
Setlist God Is An Astronaut
01. When Everything Dies 
02. Transmissions 
03. All Is Violent, All Is Bright 
04. Reverse World 
05. Echoes 
06. Spiral Code 
07. Remembrance Day 
08. The End of the Beginning 
09. Fragile 
10. Calistoga 
11. Forever Lost 
12. Worlds In Collision 
13. The Last March 
14. From Dust to the Beyond 
15. Dark Passenger 
16. Fire Flies and Empty Skies 
Bis:
17. Red Moon Lagoon 
18. Suicide by Star 
19. Route 666

Curtas!
* Roger, líder do Ultraje a Rigor, disse em entrevista ao site Iradus que não pensa em compor nova músicas: "Não vejo mais motivo. Não tenho necessidade ou estímulo para isso...". (fonte: Iradus)

* Gustavo Cerati, o ex-vocalista/guitarrista do banda Soda Stereo, morreu na última quinta-feira (04/09), aos 55 anos, devido a complicações de um AVC. (fonte: Rock Online)

* Chegará as lojas na segunda-feira, via Cogumelo Records, o novo álbum do grupo Amen Corner. O material intitulado "Christ Worldwide Corporation", contará com um DVD e um pôster. (fonte: Stay Heavy)

Vídeo do dia!
Confira a música "By The Progress", com o grupo Helldorados:

(fonte: Youtube)

Dica de CD: 84-94 - Vol 1 (Titãs)